TCC SANDRA

Click here to load reader

  • date post

    09-Jan-2017
  • Category

    Documents

  • view

    216
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of TCC SANDRA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARAN

SETOR PALOTINA

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM AQUICULTURA

TRABALHO DE CONCLUSO DE CURSO REA: CRIAO DE TILPIA DO NILO

Aluno: Sandra Morelatto Demarco

Orientador: Profa Dr

a. Lilian Carolina R. Silva

Supervisora: Profa Dr

a. Lilian Carolina R. Silva

Relatrio apresentado como parte das

exigncias para a concluso do CURSO

DE GRADUAO EM TECNOLOGIA

EM AQUICULTURA.

PALOTINA - PR

2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARAN

SETOR PALOTINA

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM AQUICULTURA

TRABALHO DE CONCLUSO DE CURSO REA: CRIAO DE TILPIA DO NILO

Aluno: Sandra Morelatto Demarco

Orientador: Profa Dr

a. Lilian Carolina R. Silva

Supervisora: Profa Dr

a. Lilian Carolina R. Silva

Relatrio apresentado como parte das

exigncias para a concluso do CURSO

DE GRADUAO EM TECNOLOGIA

EM AQUICULTURA.

PALOTINA - PR

2013

FOLHA DE IDENTIFICAO

Local de estgio: Laboratrio de Qualidade de gua (Universidade Federal do

Paran - Setor Palotina) e propriedade do Sr. Ivair Demarco.

Carga horria cumprida: 330 horas

Perodo de realizao do estgio: 06/05 a 17/07/2013

Orientador: Profa Dra. Lilian Carolina R. Silva

Supervisor: Profa Dra. Lilian Carolina R. Silva

3

Guardai-me Deus, porque em vs que procuro

refgio. Digo a Deus sois o meu Senhor, fora de vs

no h felicidade para mim.

Salmos: 15:1-2

4

AGRADECIMENTOS

Agradeo Deus pela vida e proteo.

Agradeo minha famlia, aos meus filhos Carol e Mateus e ao meu marido

Ivair pelo apoio e pacincia.

Universidade Federal do Paran, aos professores e demais funcionrios da

instituio pelo conhecimento e ateno durante todo o curso.

Agradeo professora Lilian Carolina Rosa da Silva, pela compreenso, apoio

e incentivo durante o decorrer do curso e como orientadora.

Tambm agradeo aos mestrandos Edvaldo e Marise, por aceitarem fazer parte

da minha banca examinadora.

5

RESUMO

O trabalho de concluso de curso mostra as atividades desenvolvidas do perodo de 06

de maio a 17 de julho de 2013 no Laboratrio de Qualidade de gua e Bromatologia da

Universidade Federal do Paran, Setor Palotina e o acompanhamento na propriedade do

Sr. Ivair Demarco sob a orientao da Prof Dra. Lilian Carolina R. Silva. Tendo como

objetivo acompanhar um cultivo de tilpia do Nilo. Durante o perodo de estgios foram

desenvolvidas as atividades de coleta de gua para avaliao dos parmetros fsico-

qumicos da gua dos tanques de cultivo da tilpia, biometria dos alevinos de tilpia do

Nilo, arraoamento dos alevinos de tilpia do Nilo, acompanhamento do sistema de

aerao dos tanques, reforma, fertilizao e calagem dos tanques, despesca e transporte

das tilpias do Nilo prontas para o abate. Foi coletada a gua dos tanques de cultivo dos

tanques das tilpias do Nilo, sendo analisadas no Laboratrio de Qualidade de gua e

Bromatologia da Universidade Federal do Paran. Os resultados foram descritos e

avaliados no decorrer do trabalho.

Palavras-chave: qualidade de gua, tilpia do Nilo, cultivo

6

SUMRIO

1. CARACTERIZAO DO LOCAL DE ESTGIO ................................................ 7

2. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS .......................................................................... 8

3. REVISO DA LITERATURA .................................................................................. 9 3.1 AQUICULTURA MUNDIAL ............................................................................... 9

3.2 CARACTERIZAO DA ESPCIE .................................................................... 9 3.3 PARMETROS FSICOS-QUMICOS DA GUA .......................................... 10

3.3.1 Parmetros de qualidade de gua ........................................................................... 10

3.3.2 Alcalinidade da gua .............................................................................................. 10

3.3.3 Dureza da gua ....................................................................................................... 11

3.3.4 pH (Potencial Hidrogeninico) .............................................................................. 11

3.3.5 Amnia ................................................................................................................... 12

3.3.6 Nitrito ..................................................................................................................... 13

3.3.7 Temperatura ........................................................................................................... 14

3.4 BIOMETRIA DOS PEIXES ................................................................................ 15

3.5 QUALIDADE DA RAO e ARRAOAMENTO ........................................... 15 3.6 AERAO .......................................................................................................... 16

3.7 REFORMA, FERTILIZAO E CALAGEM DOS TANQUES ....................... 17 3.8 DESPESCA E TRANSPORTE DOS PEIXES .................................................... 18

4. DESCRIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS ...................................... 19 4.1 ANLISE DOS PARMETROS FSICO-QUIMICOS DA GUA .................. 19

4.1.1 Metodologia da alcalinidade da gua ..................................................................... 19

4.1.2 Metodologia da dureza da gua ............................................................................. 19

4.1.3 Metodologia da amnia ......................................................................................... 20

4.1.4 Metodologia do nitrito ........................................................................................... 20

4.1.5 Metodologia do pH e da temperatura .................................................................... 20

4.2 BIOMETRIA ....................................................................................................... 20

4.3 ARRAOAMENTO ............................................................................................ 21 4.4 AERAO .......................................................................................................... 21 4.5 REFORMA, FERTILIZAO E CALAGEM DOS TANQUES ....................... 21 4.6 DESPESCA E TRANSPORTE ........................................................................... 22

5. DISCUSSO .............................................................................................................. 23

6. AVALIAO CRTICA E SUGESTES ............................................................. 25

7. REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS .................................................................... 26

8. APNDICE ................................................................................................................ 28

7

1. CARACTERIZAO DO LOCAL DE ESTGIO

O estgio foi realizado na Universidade Federal do Paran, Setor Palotina, no

Laboratrio de Qualidade de gua e Bromatologia da Universidade Federal do Paran,

Setor Palotina e na propriedade do Sr. Ivair Demarco (Figura 1), localizada na linha

Medianeira, no municpio de Palotina-PR, e conta com uma lmina de gua de

24.300m2

. O acompanhamento da criao e a coleta da gua foram realizadas em uma

propriedade que cultiva tilpia do Nilo (Oreochromis niloticus), que conta com rea de

2.4 ha, dividida em 9 tanques, de 5000m2, os peixes foram alojados com 1g, em uma

densidade de 30 peixe/m2. Foram realizadas anlises de gua como: alcalinidade, dureza

total, pH, amnia, nitrito, e temperatura.

8

2. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS

O estgio foi realizado no perodo de 06 de maio a 17 de julho de 2013,

totalizando 330 horas. As atividades desenvolvidas na propriedade foram:

Coleta de gua para avaliao dos parmetros fsico-qumicos da gua;

Biometria dos alevinos de tilpia do Nilo;

Arraoamento dos alevinos de tilpia do Nilo;

Acompanhamento do sistema de aerao dos tanques;

Reforma, fertilizao e calagem dos tanques;

Despesca e transporte das tilpias do Nilo prontas para o abate.

As atividades desenvolvidas no Laboratrio de Qualidade de gua e Bromatologia

para as anlises dos parmetros fsico-qumicos da gua foram:

Alcalinidade;

Dureza;

pH;

Amnia;

Nitrito;

Temperatura.

9

3. REVISO DA LITERATURA

3.1 AQUICULTURA MUNDIAL

A aquicultura, ou cultivo de organismos aquticos, o segmento da produo

animal que mais cresce no mundo hoje. O Brasil rene condies favorveis ao

desenvolvimento da piscicultura, tanto no mercado nacional e mundial, como no clima

favorvel ao cultivo de inmeras espcies de peixes nas diferentes regies, possui

disponibilidade de rea, de gros e outros ingredientes usados nas raes, tcnicos

especializados nos segmentos da cadeia produtiva e o principal potencial hdrico

(KUBITZA, 2003).

Segundo a FAO (2010), a aquicultura mundial apresentou uma taxa mdia de

crescimento de 17% ao ano. O peixe considerado alimento nobre e de grande

preferncia em vrias culturas, alm de ser uma excelente fonte de protena animal e de

o