(Power shrink) tgi i - caderno de memórias

Click here to load reader

  • date post

    07-Jul-2015
  • Category

    Technology

  • view

    1.235
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of (Power shrink) tgi i - caderno de memórias

  • 1. REVITALIZAO URBANA EPAISAGSTICAWENDLIZ BERNARDO ORIENTADORES: DANIEL PASCHOALIN E RALF FLRES ARQUITETURA E URBANISMO - TGI I - UNICEP SO CARLOS SPANO 2010 PRAA ITLIASO CARLOS - SP

2. NDICE INTRODUO__________________________________________________________________________ 1 LOCALIZAOLOCALIZAO_________________________________________________________________________ 2 PONTOS DE TRAVESSIA PRXIMOS__________________________________________________3 REA DE INTERVENO______________________________________________________________4 LEVANTAMENTO MAPA USO E OCUPAO DO SOLO___________________________________________________5 RUAS SEM SADA______________________________________________________________________6 CARACTERIZAO DE VIAS____________________________________________________________7 ESTUDO FLUXO VIRIO________________________________________________________________8 FLUXOGRAMA EXISTENTE_____________________________________________________________9 3. NDICE PROPOSTAS NOVO VIADUTO E ABERTURA DE VIA_______________________________________________10 REDISTRIBUIO DO FLUXO VIRIO________________________________________________11 REA A SER DEMOLIDA E REA PARQUE__________________________________________12ADEQUAO NVEIS PARQUE_______________________________________________________13 PROJETO FLUXOGRAMA PROPOSTO___________________________________________________________14 NVEIS PROPOSTOS__________________________________________________________________15 PARQUE LINEAR______________________________________________________________________16 PROPOSTAS FUTURAS_______________________________________________________________19 4. 1 O local designado para a requalificao foi a Praa Itlia, na cidade de So Carlos, estendendo-se ao lado sul atravs do viaduto at a rotatria localizada em frente Escola Jesuno de Arruda. Atravs de levantamentos, foram identificados vrios problemas na rea, os quais surgiram principalmente pela interseco da linha frrea. a proposta para requalificao do local se dar atravs de readequao e redistribuio do fluxo virio, realizado atravs da criao de um novo viaduto, abertura de ruas e alargamento das j existentes, bem como, tratamento de pisos e iluminao das mesmas. Ser criado um parque linear, onde hoje existem construes degradadas e pequenos comrcios. Este ser um novo espao de passagem e estar para pedestres. O parque ser composto por pontos de descanso (decks), reas sombreadas, espelhos dgua e atender as normas de acessibilidade. O objetivo deste projeto atrair maior quantidade de pessoas, sejam elas pedestres ou condutores de veculos e assim desafogar outros pontos problemticos de travessia ao longo da ferrovia, alm de proporcionar qualidade espacial aos que vivem nos arredores. ABCD INTRODUO 5. 2 SP-310 ROD. WASHINGTON LUIZ Figura 1. Mapa cidade de So Carlos. Fonte: Prefeitura Municipal de So Carlos. Ano 1998. Legenda Ferrovia Local interveno Figura 4. Foto area cidade de So Carlos. Fonte: Google Earth. Ano 2007. Figura 3. Estao Ferroviria Fotgrafo: Sergio Coelho. Ano 2008. Figura 2. Shopping Iguatemi Fotgrafo: Daniel Fabio. Ano 2007. A Praa Itlia considerada um importante eixo virio. atravs dela que os veculos que chegam cidade atravs da Rodovia Washington Luiz e Avenida Getulio Vargas so distribudos para o Centro pela Avenida So Carlos ou pela Rua Joaquim Evangelista de Toledo, bem como, para os bairros da regio sul, atravs do Viaduto. LOCALIZAO SP-318 RIBEIRO PRETO AV. GETULIO VARGAS AV. SO CARLOS RIBEIRO BONITO DESCALVADO AV. MORUMBI ITIRAPINA AV. GRECIA AV. HENRIQUE GREGORI RUACEL JOS A. DE O. SALLES ARARAQUARA SO PAULO SHOPPING IGUATEMI ESTAO FERROVIRIA N 6. 3 Figura 5. Foto area pontos travessia ferrovia So Carlos/SP. Fonte: Google Earth. Ano 2007. Foto 4. Viaduto Estao Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2009. 5 Foto 5. Pa. Italia Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. A ferrovia trouxe dificuldade na interligao do centro e bairros da regio sul da cidade. A barreira resultou em problemas no fluxo virio, caracterizado pelo grande volume de veculos e um nico acesso, o viaduto. Esta formou tambm becos de rua sem sada, tornando um ambiente propcio a usurios de drogas, que contam ainda com a falta de iluminao e m conservao do local . PONTOS DE TRAVESSIA PRXIMOS 1 2 3 4 N Foto 1. Travessia CDHU Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2009. Foto 2. Viaduto Pa Itlia Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2009. Foto 3. Travessa 8 Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2009. 7. 4 Figura 6. Foto area rea de interveno. Fonte: Google Earth. Ano 2007. A rea escolhida para locao do parque linear, funciona como uma ilha de apreciao. entre um trnsito intenso, porm regulado, atravs das diretrizes propostas REA DE INTERVENO N 8. 5 Edifcio Residencial Edifcio Comercial Edifcio Misto Edifcio Industrial Edifcio Institucional Lote sem Edificao Bens Dominicais Sistema de Recreio Figura 7. Mapa de Ocupao e Uso do Solo Escala 1:2500 A ferrovia, juntamente com a rea industrial, funciona como um divisor na ocupao e uso do solo. Enquanto na regio sul a maioria dos edifcios so residncias unifamiliares, geralmente com um nico pavimento. o lado norte apresenta predominncia pelo comrcio e edificaes de uso misto comrcio localizado no trreo e residncia no segundo pavimento resultando em edifcios de dois pavimentos ou mais. MAPA USO E OCUPAO DO SOLO N 9. 6 Figura 8. Foto area ruas sem sada. Fonte: Google Earth. Ano 2007. Ruas sem sada RUAS SEM SADA N Situao sem escalaEstudo ruas sem sada 10. 7 Vias de acesso rodovias Vias de acesso bairros Figura 9. Foto area caracterizao de vias. Fonte: Google Earth. Ano 2007. CARACTERIZAO DAS VIAS N Situao sem escalaEstudo ruas sem sada 11. 8 Estudo fluxo Rua Joaquim E. de ToledoEstudo fluxo Av. So CarlosEstudo fluxo Rua Santa Gertrudes Estudo fluxo Av. Getulio VargasEstudo fluxo Rua Joo Loureno Estudo fluxo Rua Cel Jose de O. Salles Situao sem escalaSituao sem escalaSituao sem escalaSituao sem escalaSituao sem escalaSituao sem escalaESTUDO FLUXO VIRIO N 12. 9 ESCALA 1:2500 Rua Santa Gertrudes Av. Getulio Vargas Av. So Carlos Rua Joaquim Evangelista de Toledo Rua Coronel Leopoldo Prado Rua Dona Ana Prado Avenida Grcia Rua dos Ferrovirios Rua Lucio Rodrigues Rua Joo Loureno Av. Morumbi Rua Baslio Dibo Av. Dr. Teixeira de Barros Vias Principais Vias locais Viaduto FLUXOGRAMA EXISTENTE N Situao sem escalaEstudo fluxo virio 13. PROPOSTA NOVO VIADUTO E ABERTURA DE VIA 10 Proposta novo viaduto Escala 1:3000 1 2 Foto 1. Viaduto atual Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. Foto 2. Atual rua sem sada Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. N Proposta abertura de via Escala 1:3000 Estudo fluxo, novo viaduto e abertura de nova rua. Situao sem escala 14. PROPOSTA REDISTRIBUIO DO FLUXO VIRIO 11 1 2 Foto 1. Praa Itlia Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. Foto 2. Praa Jesuno Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. O elevado fluxo de veculos e a m sinalizao dificultam a travessia de pedestres em horrios de pico. Estes sofrem tambm com a passagem pelo viaduto, pois o espao destinado a tal estreito, mal conservado e precariamente iluminado, levando muitos a optarem pela arriscada travessia atravs da linha frrea Proposta redefinio do virio Escala 1:2500 N 15. PROPOSTA REA A SER DEMOLIDA E REA PARQUE 12 rea a ser demolida Escala 1:3000 rea destinada ao parque Escala 1:3000 1 3 2 4 Foto 1. A desapropriar Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. Foto 2. A demolir Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. Foto 3. rea a desapropriar Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. Foto 4. A demolir Fonte: Arquivo Pessoal. Ano 2010. N 16. 13 ESCALA 1:3500 PROPOSTA ADEQUAO NVEIS (PARQUE) N 17. 14 Redefinio do virio e fluxograma proposto ESCALA 1:3000 FLUXOGRAMA PROPOSTO N 18. 15 ESCALA 1:2000 NVEIS PROPOSTOS N 19. 16 ESCALA 1:750 IMPLANTAO PARQUE LINEAR N 20. 17 ESCALA 1:750 IMPLANTAO PARQUE LINEAR N 21. 18 ESCALA 1:750 IMPLANTAO PARQUE LINEAR N 22. 19

  • criao de nova ponte para a ferrovia
  • definio de materiais utilizados nos equipamentos do parque
  • detalhamento de espcies da vegetao do parque
  • iluminao para o parque e arredores
  • tratamento de pisos do parque e arredores
  • promover a interligao parque cidade

PROPOSTAS FUTURAS