Subsidio Magis 2013

download Subsidio Magis 2013

of 28

  • date post

    01-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    216
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Material em preparação ao Magis no Brasil 2013

Transcript of Subsidio Magis 2013

  • MaterialPreparatrio

    Viver Nazar

  • Textos:Andr Lus de Arajo (Roteiros para orao/reflexo)Lus Duarte Vieira (Roteiros para grupos e redes)

    Reviso:Andr Lus ArajoRachel Omoto GabrielVanessa Ap. A. Correia

    Traduo:Espanhol: Andr Lus de ArajoIngls: Raphael Gil; Matheus C. Bartholomeu

    Reviso traduo:Jos Luis Fuentes, sj

    Projeto Grfico:Victor Luigi Bautista Pisani

    www.magis2013.com

  • 2. Introduo

    3. Roteiros para Orao/reflexo

    Eis-me aqui

    Tudo o que existe canta ao Senhor

    O olhar que salva o mundo

    Ele est no meio de ns

    Escutai, pois

    Meus olhos veem a Tua salvao

    Permanecei no meu amor

    Conhecendo o sonho de Deus

    Toma, Senhor, e recebe

    Esperam por ns naes

    4. Roteiros para grupos e redes

    5. Anexo

    3

    6

    7

    8

    9

    10

    11

    12

    13

    14

    15

    16

    17

    24

  • 2

  • O MAG+S, um encontro da Companhia de Jesus com jovens inacianos do mundo inteiro, motiva os jovens a estar em profunda e sincera sintonia com o esprito do magis inaciano, expresso de uma sede inesgotvel, um impulso vital, que nos leva a desejar e a realizar grandes coisas em favor do Reino.

    Em 2013, o MAG+S ter lugar no Brasil, com o lema Esperam por ns naes, convocando-nos mobilidade, proximidade, compaixo, ao profetismo, comunho de destino com o prprio Cristo, na doao completa da vida, para que a humanidade viva. Inspirado no texto da Congregao Geral 35 (Dec 2,22), o lema motiva-nos a ir s fronteiras, com a conscincia de que a criao aguarda ansiosamente a manifestao dos filhos de Deus (Rm 8,19), pois nossa misso constantemente re-criar o mundo, fazendo aparecer nele a justia e a paz.

    O lema do MAG+S Brasil tambm uma resposta que a juventude inaciana d Igreja, quando ela nos interpela, atravs do lema da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), com o cha-mado de Cristo: Ide e fazei discpulos entre todas as naes (Mt 28, 19), nas tantas naes que esperam por ns, por nosso testemunho, pelo Evangelho da esperana. Aqui no nos re-ferimos s naes geogrficas, marcadas por fronteiras, como as que conhecemos. Para alm das fronteiras geogrficas, sustentamos que h outras naes, comunidades de pobres, opri-midos, deslocados, solitrios, com as quais queremos compartilhar nossa vida e que clamam por um pouco de esperana, de luz e de sentido, num mundo que anuncia a diluio das fron-teiras geogrficas e, ao mesmo tempo, ergue muros de excluso, incompreenso, isolamento.

    O MAGIS tem sido um convite a peregrinar, desde a sua criao em 1997. E, no Bra-sil, no ser diferente. Ser um apelo a peregrinar s naes, deixando-se questionar pela realidade e pelo Senhor, do mesmo modo que o fez o peregrino Incio. Peregrinar a partir de si, para o encontro com o prximo. Peregrinar tendo o Cristo como guia, a humanidade como destinatria de amor e o mundo como lugar do seguimento, lugar amado pelo Deus que se encarna e onde se realiza a experincia de ser cristo.

    Imbudo desse esprito de peregrinos, o MAG+S 2013 prope um caminho. Como sabemos, a quantidade de jovens que participar, no Brasil, nos dias de encontro, pouca, comparada s centenas de milhares de jovens inacianos no mundo. Mas o caminho que o MAG+S Brasil prope para todos porque, antes de tudo, ele quer nos colocar em sintonia com o magis inaciano, o qual todos somos chamados a viver, como projeto para a vida.

    Para isso, idealizamos um caminho simblico, bblico e espiritual para os jovens e seus grupos. No caminho do MAG+S, vamos visitar/viver alguns lugares bblicos. Luga-res percorridos por Jesus e que so cheios de sentido para ns, como caminho de cresci-mento humano e espiritual. Propomos seguir os caminhos de Jesus e, neles, seguir Jesus. O caminho rumo ao magis e rumo ao MAG+S composto de diferentes momentos e atividades. Veja, abaixo, os eixos temticos, a inspirao e o lugar que motivam cada mo-mento preparado para o MAG+S.

    Este itinerrio que proposto nos vai inspirando, conforme a vivncia de Jesus, nos diferentes tempos de sua vida, levando-nos igualmente a tantos lugares e situaes. Co-mearemos por Nazar, lugar da preparao, do crescimento, do discernimento e da sada; chegaremos a Betnia, espao para reconhecer-se comunidade, lugar da amizade e da ale-gria do encontro; faremos um grande percurso por diferentes povoados rumo a Jerusalm, percurso marcado por muitos encontros que nos revelam muito do Projeto de Deus; subi-remos a Jerusalm, lugar de confirmao e de resposta radical, e finalizaremos na Galileia, lugar dos desafios da vivncia do cotidiano, do anncio e do testemunho dirio.

    Introduo2. 3

  • PREPARAO: VIVER NAZAREm esprito de acolhida, queremos iniciar este percurso rumo ao magise ao

    MAG+S. Iniciaremos com este tempo de preparao, que tem como eixo central a di-menso do discernimento, tempo de recolhimento, de aprendizado, de cotidiano, de escuta. Este tempo de espera at o MAG+S ser tempo de viver Nazar. Nessa pequeni-na cidade nos encontramos.

    Nazar quer dizer aquela que guarda, portanto, aquela que guarda a presena de Deus. uma pequena aldeia, na Galileia, citada no Novo Testamento. em Nazar que Maria recebe a anunciao. l tambm que Jesus viveu toda sua infncia e juven-tude, no convvio com a famlia, com os vizinhos, com a comunidade de f, com a reali-dade sociopoltica de seu tempo, com o trabalho. De l ele parte para a misso.

    A ser o nosso lugar nestes meses de preparao que antecedem ao MAG+S Brasil e Jornada Mundial da Juventude. A nos vamos reconhecendo, vendo como o Projeto de Amor do Pai se encarna corajosamente em ns. A vamos descobrindo o de-sejo infinito de Deus e o nosso princpio e fundamento, as bases sobre as quais se ergue e se sustenta a nossa vida. A vamos aprendendo a fora de uma nova maneira de olhar, de entrar no ntimo dos seres para salv-los, para refazer a realidade por mais dura que seja. Nazar revela quem somos, porque experimenta a simplicidade do povo, o amor que redime e testemunha o crescimento em estatura e graa. Nazar evidencia a cen-tralidade do Reino, uma vez que ouviu a Palavra do Senhor e abriu espaos para que ela se encarnasse. Nazar nos permite compreender a vida do povo e chegar quele lugar da redeno mais profunda, onde o fruto da iniciativa amorosa de Deus se encontra e cresce, enquanto se entrega total e livremente. Nazar se esvazia para ver o mundo se encher de amor e nos inquieta, porque se desinstala em favor de um bem muito maior, mais universal. De Nazar o discpulo se projetar no mundo, em busca das naes que o ajudaro a inflamar os povos no mesmo amor.

    4

    MOMENTO INSPIRAOEIXO LUGAR BBLICO

    Preparao

    Encontro emSalvador (Bahia)

    O que Deus med a desejar?

    Reconhecer-secomunidade

    Discernimento Nazar

    Betnia

    Experincias Ide, inflamai omundoEnvioCaminho para

    Jerusalm

    JMJ Diante da comunidadeConfirmao Jerusalm

    Encontro

    Volta para casa Responder coma vidaMisso Galilia

  • COMO USAR ESTE MATERIALPara nos aprofundarmos na vivncia de Nazar, propomos estes roteiros que so

    esquemas de orao, de partilha e de encontro, divididos em dois tipos. Na primeira seo, apresentamos esquemas que, elaborados a partir de dez dimenses, podem ser feitos individualmente ou em grupos, por partilhas ou por reviso de vida, por meio de tempos fortes de meditao ou contemplao do Mistrio de Salvao que se encar-na e nos salva. Evidentemente que se notar certa linearidade no percurso proposto, uma vez que a base se encontra nos Exerccios Espirituais. No entanto, isso no invalida os tempos e os momentos de cada grupo ou pessoa, que podero imprimir o ritmo que quiserem, dado que os temas se estruturam mais por dimenses concntricas, que propriamente obedecendo lgica da sucesso. Assim, nesta disposio circular, os te-mas esto como que justapostos, desenvolvidos a partir de cinco sugestes bblicas e de uma breve motivao, oferecendo-se a oportunidade de se comear a partir de qualquer ponto, bastando simplesmente o nimo e a generosidade, aproveitando-seda estrutura tanto quanto ajude a atingir o fim para o qual se destina (EE 23). Afinal, a con-tinuidade e o aprofundamento exigidos em cada dimenso dar-se-o conforme a reali-dade do(s) exercitante(s), medida que se reconhece aproximando ou distanciando do centro, que o prprio Cristo, para onde todas as coisas se encaminham.

    Nos roteiros da segunda seo, apresentamos trs sugestes de temas para se-rem trabalhados nos grupos/comunidades/redes, na mstica de Nazar. Outros temas, que faam mais sentido para as distintas realidades, podem ser incorporados. A ideia principal permitir que o MAG+S seja um tempo oportuno para o encontro de grupos de jovens inacianos e para a articulao de redes inacianas de jovens, em cada parte do mundo. Nesse sentido, a realizao de atividades com os temas propostos nos roteiros seria conveniente para reunir jovens de diferentes grupos, de diferentes obras, tecendo redes.

    Os roteiros propem, na mstica de Nazar, refletir, contar, rezar as histrias de vida dos jovens. Nazar o lugar da vida escondida de Jesus, lugar onde Ele cultiva sua histria na vida da famlia, da vizinhana, da comunidade de f. Ela pode ser para cada jovem lugar de encontro e cultivo de sua histria de vida tambm. Os roteiros propem, ainda, os temas da realidade juvenil e do discipulado, a partir de Nazar. Por fim, eles sugerem diferentes tipos de atividades que podem ser realizadas pelos jovens. A essas atividades sugeridas podem se agregar outras que faam sentido em cada realidade.

    Enfim, o MAG+S Brasil pretende ser este tempo de graa. Sermos colocados com o Filho, no seu seguimento, no dinamismo do Reino, ajudando a gerar um mundo mais humano, fraterno e justo, entrelaando o melhor de nossos desejos com o desejo de Deus. Ir s naes conscientes de que quando esses desejos