Slide cruzadas

Click here to load reader

download Slide cruzadas

of 20

  • date post

    21-Jun-2015
  • Category

    Documents

  • view

    14.157
  • download

    1

Embed Size (px)

Transcript of Slide cruzadas

  • 1. - IDADE MDIA Histria MedievalAs Cruzadas e a decadncia do feudalismo Prof Isabel Aguiar http://www.profisabelaguiar.blogspot.com.br/

2. Histria da Baixa Idade Mdia e Cruzadas (sculos XIII ao XV) Contexto Histrico Inovaes tcnicas: moinho hidrulico,arado com roda melhorou a produo e aalimentao Diminuio das guerras e das doenasprovocou um AUMENTODEMOGRFICO 3. IDADE MDIA NOS SCULOS XI AO XIV1. Presso demogrfica que no era absorvidapela precria estrutura do sistema feudal. 2. Reatirculao do comrcio a partir dosinteresses da populao excedente que migroupara os burgos. 3. Incidncia de saques e ataques aos castelos ealdeias. 4. Necessidade de conquistas territoriais comoforma de resolver a profunda crise social. 5.Organizaes das expedies militares-religiosas no oriente e no ocidente, denominadasde Cruzadas. 4. SIGNIFICADO EIMPORTNCIA DASCRUZADASCampoEconmicoAs Cruzadas se apresentavamcomo um contra-ataque daEuropa Crist para romper ocerco muulmano que estiverasubmetida desde o sculo VIII. 5. Campo SocialForam, tambm, uma formade aliviar a pressodemogrfica no continenteque ameaava destruir ofeudalismo. 6. Campo Religioso Para a Igreja Catlica o movimento significou a possibilidade para expanso da sua f. 7. As Cruzadas ( 8 cruzadas) Guerra entre Cristo e muulmanos Cristo buscam retomar a TerraSanta (Jerusalm) Idia de Guerra Santa Os cavaleiros Cruzados a f religiosa (dois lados) os saques os combates sangrentos 8. AS CONSEQUNCIAS DASCRUZADAS Apesar do fracasso no plano militar, asCruzadas mudaram a face da Europa: 1. Possibilitando a reabertura do Mediterrneo navegao e ao comrcio da Europa. 2. Proporcionando o reatamento das relaesentre o Ocidente e o Oriente. 3. Contribuindo para a decadncia do feudalismoe consequentemente reduziu o poder dossenhores feudais. 4. Influenciando no surgimento da burguesia . 9. A VOLTA DO COMRCIOInfluncia das Cruzadas nocomrcioOs mercadores: burgueses Feiras e Rotas deComrcio Oposio da Igreja catlica 10. "O aumento docomrciopromoveu odesenvolvimentodas cidadesmedievais. Grandeparte dessasantigas cidadestinha um ncleofortificado commuralhas,chamado burgo.Cidade Medieval de vila 11. O RENASCIMENTO DASCIDADES (SCULO XV) formao dos burgos: deramorigem s cidadescrescimento das cidades em funodo comrcioCambistas e bancos estimulavam acirculao de moedas 12. O RENASCIMENTO DAS CIDADES Isolamento dos feudos Revoltas camponesas Rotas Comerciais Novas oportunidades Monetarizao Pestes e epidemias 13. SO CARACTERSTICAS DA CRISE FEUDAL: -Expanso predatria da exploraode terras, que teria contribudo para odesgaste de sua fertilidade; - Intenso desmatamento , que teriagerado a alternncia de perodos chuvosos esecos e alteraes climticas e ecolgicas; - Diminuio da produo agrcolaassociada ao encarecimento dos produtos e aoesgotamento das minas de ouro e prata daEuropa; - Aumento do nmero de nobres e desuas necessidades de consumo , que teriaaumentado consideravelmente o grau deexplorao sobre a massa camponesa. 14. -A reabertura domarMediterrneo , o desenvolvimento de umaeconomia comercial e o fortalecimento dopoder real. -Intensificao das relaesmonetrias , rompendo a base natural daeconomia feudal. - Crescimento daatividadecomercial , devido ao aumento do volumedos excedentes. - Aumento da produo agrcola ,provocando a queda da taxa de 15. - Enfraquecimento do poderaristocrtico como decorrncia daqueda dos rendimentos senhoriais. - Expanso do comrcio a longadistncia, para suprir as carncias dasociedade europia. - Revoltas populares nos campos ecidades como e conseqncia doaprofundamento da explorao. - Formao das corporaes deofcio , defendendo o trabalho artesanalnas novas cidades. 16. SNTESE DA TRANSIO DO FEUDALISMO AOCAPITALISMODiante da crise agrria fazia- se necessria a conquista de novas reas produtoras.Diante da crise demogrfica fazia-se necessrio o d omnio sobre as populaes no- europias. 17. Diante da crise monetria fazia-se necessriaa descoberta de novas fontes de minrios.Diante da crise social fazia- se necessrio um monarca forte,controladordas tenses e das lutas sociais. 18. Diante da crise poltico- milita r fazia-se necessria uma fora centralizadora e defensora de toda a nao.Diante da crise clerical fazia- se necessria uma nova Igreja.Diante da crise espiritual fazia-se necessria uma nova viso de Deus e do homem.