Piloto de Stuka - Hans-Ulrich Rudel

download Piloto de Stuka - Hans-Ulrich Rudel

of 143

  • date post

    08-Jul-2015
  • Category

    Documents

  • view

    286
  • download

    6

Embed Size (px)

Transcript of Piloto de Stuka - Hans-Ulrich Rudel

PILOTO DE STUKA( TROTZDEM )

Hans-Ulrich Rudel(1916-1982)

Oberst St.G2 2.530 misses de combate, 9 vitrias (7 caas em combate) 519 tanques destrudos, 800 veculos de todos os tipos, 150 peas de artilharia, inmeras pontes, 70 embarcaes anfbias, um encouraado, um cruzador, um destroyer.

"Voc o maior e mais corajoso soldado que o povo alemo jamais teve", disse Adolf Hitler para aquele filho de um pastor protestante em 1 de janeiro de 1945. Seu nome: Hans-Ulrich Rudel, um nome que se tornaria lenda e sinnimo de uma bravura da Luftwaffe.

Hans-Ulrich Rudel _________________________________________________________________________

3

Introduo

ans-Ulrich Rudel comeou sua surpreendente carreira de piloto em 1939, durante a campanha da Polnia. Do primeiro ao ltimo dia de guerra na frente oriental (1941 a 1945), de Leningrado a Stalingrado e depois de Moscou at Berlim, Rudel bateu-se incessantemente contra os russos, e foi um dos raros pilotos a atravessar seis anos de combates areos. No foi por acaso que ganhou a fama de piloto "indestrutvel". Abatido em cerca de trinta ocasies, o fim do Conflito o encontrou pilotando um Fw 190D-9, com uma perna amputada e outra engessada! Rudel nasceu em Konradswaldau, Silsia, numa parte da Alemanha que hoje pertence Polnia, em 02 de julho de 1916. Sempre foi tido como um garoto tmido e assustado e sua professora lembrava-se dele como "uma criana adorvel mas um estudante terrvel". Sua falta de habilidade nos estudos era compensada pelo seu interesse em atividades esportivas. Quando o Partido Nazista assumiu o poder em 1933, Rudel ainda era um adolescente. Ele ingressou na Juventude Hitlerista (Hitlerjugend), tornando-se lder de esquadro (Scharfhrer) - uma tima forma de escapar da escola. No entanto, aps deixar esta Organizao ao completar 18 anos, ele no se filiou ao NSDAP, ao contrrio do que normalmente se afirma. Em 1936, aos 20 anos de idade, aps completar seus estudos em Schweidnitz e Grlitz, ele juntou-se Luftwaffe como Fhnrich (aspirante--oficial). O principal atrativo, foi a possibilidade de poder continuar praticando seus esportes, notadamente o atletismo. Aps concluir seu curso de piloto, em 1939, Rudel prestou os exames para treinamento avanado na Sturzkampffliegerschule (Escola de Pilotos de Mergulho) mas, surpreendentemente, aquele que se tornaria o mais famoso piloto de Stuka foi recusado. Ao contrrio de sua vontade, ele seria treinado como piloto-observador. Deste modo, quando a guerra eclodiu, em setembro de 1939, o ento Leutnant Rudel efetuou misses de reconhecimento de longo alcance durante a Campanha da Polnia, recebendo sua Cruz de Ferro de 2 Classe em 11 de outubro de 1939. Rudel nunca desistiu de sua aspirao e, aps vrias tentativas, ele finalmente foi admitido para treinamento em maio de 1940. Durante toda a Campanha da Frana, o j Oberleutnant Rudel permaneceu na Sturzkampffliegerschule prxima a Stuttgart. Em setembro daquele ano, ele seria transferido para o 1./St.G 2 "Immelmann" (1 Staffel da Stukageschwader 2) e voaria suas primeiras misses bordo do avio durante a invaso da Ilha de Creta - embora no tenha estado na zona de batalha.Hans-Ulrich Rudel _________________________________________________________________________

H

4

esta altura da guerra, a Luftwaffe operava o mais famoso avio da Blitzkrieg: o bombardeiro de mergulho Junkers Ju 87 Stuka. Assim, nos comandos desta aeronave o jovem Rudel mergulhava sobre o alvo como uma guia de rapina, em um ngulo de quase 90, lanando sua bomba com uma preciso cirrgica. Nas preparaes para a Operao Barbarossa, a unidade de Rudel foi transferida para a Frente Oriental e, em 23 de junho de 1941, s 3:00hs da manh, ele voou sua primeira misso de combate em um ataque de mergulho. Nas 18 horas seguintes, Rudel voaria um total de quatro misses. Em 18 de julho de 1941, ele seria condecorado com a Cruz de Ferro de 1 Classe. Mas seu primeiro grande momento na guerra ainda estava por vir. Em 23 de setembro de 1941, os dois Staffeln do I/St.G 2 (Gruppe I do St.G 2) atacaram a frota sovitica ancorada no porto de Kronstadt (na rea de Leningrado), defendido por mais de 1.000 armas antiareas. Entre os navios l ancorados, estava o encouraado "Marat", de 26.500 toneladas - um dos dois nicos navios de grande porte da esquadra vermelha. Mais tarde, Rudel se recordaria: "Foi terrvel. Havia exploses por todos os lados. O cu parecia estar repleto de cascalhos. Eu estava me sentindo muito mal e o vo foi uma tortura. (...) O mergulho, num ngulo de 70 a 80, tirou o meu flego. Eu tinha o "Marat" em minha mira, ele se aproximava cada vez mais mais rpido. O navio se tornava cada vez maior. Eu via as bocas de suas armas antiareas apontando ameaadora-mente para mim. (...) No havia tempo para me preocupar com o fato de que um tiro direto de flak poderia me partir em pedaos. O "Marat" j preenchia completamente meu visor. Os marinheiros corriam pelo deck do navio, alguns carregando munies. Um dos canhes virou em minha direo e comeou a disparar. Neste momento eu apertei o boto que liberava a bomba. Puxei o manche para trs com toda minha fora, na tentativa de tirar o avio do mergulho, j que minha altitude era de apenas 300 metros. A bomba de 1.000kg que tinha acabado de soltar no poderia ser lanada de uma altitude inferior a 1.000 metros sob o risco de destruir o bombardeiro. Mas eu no estava me importando com isso. Eu queria atingir o "Marat" - nada mais. Embora eu puxasse o manche como um louco, eu tinha a sensao que o avio no estava me obedecendo. Eu estava quase perdendo os sentidos. Havia uma sensao terrvel em minha cabea e estmago, quando eu escutei a voz excitada de meu artilheiro de r: 'Herr Oberleutnant, o navio explodiu! Eu me virei lentamente. L estava o "Marat" atrs de uma nuvem de fumaa quase impenetrvel de 400 metros." Ao finalizar seu mais bem sucedido ataque, Rudel, descendo dos cus em um ngulo de 90, saiu do mergulho a apenas 4 metros da superfcie da gua! "Somente nesse momento eu percebi que ainda estava vivo" - ele afirmou bem depois. Este feito poderia ter dado a Rudel uma condecorao, mas isso no ocorreu. Hauptmann Steen,Hans-Ulrich Rudel _________________________________________________________________________ 5

que comandou todo o Gruppe que participou daquele ataque disse a ele: "eu tenho certeza que voc compreender que eu no posso condecorar um nico homem depois desta corajosa misso na qual o Gruppe inteiro tomou parte (...) eu considero o valor da equipe como um time, o que mais importante do que recomend-lo para a Cruz de Cavaleiro". Alm do encouraado "Marat", Rudel e seu Ju 87 afundariam um cruzador, um destroyer e cerca de 70 embarcaes anfbias e ainda danificaria o encouraado "Revoluo de Outubro" (irmo do malfadado "Marat"), at o fim da guerra. Na vspera do Natal de 1941, Rudel voou sua 500 misso e, seis dias depois, em 30 de dezembro, ele foi condecorado com a Cruz Germnica em Ouro pelo General der Flieger Wolfram von Richthofen, quando j havia sido designado Staffelkapitn do 9./St.G2. Depois disso ele seria enviado para Graz (ustria) para atuar como instrutor de novas tripulaes de Stuka. Em 06 de janeiro de 1942, o Oberleutnant Hans-Ulrich Rudel foi, finalmente condecorado com a merecida Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro, mas ele somente retornaria frente de batalha - devido sua insistncia - em junho de 1942. Em setembro de 1942 ele receberia o comando do 1./St.G 2, operando na rea de Stalingrado, em apoio s tropas do 6 Exrcito alemo, sob comando do Generaloberst Friedrich von Paulus que tentava conquistar aquela cidade. Nesta ocasio a utilizao de bombas contra os tanques soviticos foi percebida. A idia de utilizar aeronaves armadas com canhes de grande calibre contra blindados data desta poca. No final daquele ano os alemes criaram o "Versuschskommando fr Panzerbekmpfung" (Comando Especial para Combate a Blindados), posteriormente conhecido como "Panzerjagd kommando Weiss", em homenagem a seu comandante, Oberst Otto Weiss. Depois de uma srie de testes com vrias aeronaves na localidade de Rechlin (Alemanha) das quais Rudel participou - decidiu-se pelo emprego do Junkers Ju 87D-3 equipado com dois canhes Rheinmetall-Borsig Flak 18, com seis projteis de 37mm cada um. O "Panzerjagdkommando Weiss" foi enviado frente em fevereiro de 1943. No dia 10 daquele mesmo ms Rudel voou sua 1000 misso de combate e se tornou um heri para a imprensa alem. Quase imediatamente ele foi designado para atuar na nova unidade, ento sediada em Briansk. As primeiras unidades foram primeiramente utilizada contra barcaas de transporte de tropas anfbias no Mar Negro e, no espao de trs semanas, Rudel destruiu 70 destes barcos. Em 16.03.1943, durante uma batalha de tanques na regio de Belrogod, Rudel destruiu seu primeiro tanque com seu Stuka equipado com os canhes de 37mm: "meu artilheiro de r disse que o tanque explodiu como uma bomba e que tinha visto seus pedaos voando logo atrs de ns", recordou-se Rudel.

Hans-Ulrich Rudel _________________________________________________________________________

6

Mais tarde, a maioria dos Ju 87D-3 foram convertidos para destruidores de tanques e redesignados como Ju 87G-1, quase sempre sendo apelidados de "Panzerknacker" (Des truidor de Tanques) ou de "Kanonenvogel" (Pssaro Can-ho), sendo que tal converso estava completa em outubro de 1943. Em 14 de abril de 1943, Hans-Ulrich Rudel foi condecorado por Hitler com as Folhas de Carvalho da Cruz de Cavaleiro (o 229 soldado agraciado) e, pouco depois, promovido a Hauptmann. Em 05 de julho de 1943, durante a Operao Zitadelle - a derradeira ofensiva alem em Kursk, que seria a maior batalha de tanques da Histria - os dois primeiros Staffeln equipados com as novas configuraes de Stukas encontravam-se em operao: o Pz.J.Sta./St.G 1 e Pz.J.Sta./St.G 2 (Panzerjagdstaffel do Stukageschwader 1 e 2). Totalizando apenas nove avies, o Staffel de Rudel fora designado para