^ Livro Questões Comentadas CESPE 2011 MARCOS PACCO

download ^ Livro Questões Comentadas CESPE 2011 MARCOS PACCO

of 164

  • date post

    30-Nov-2015
  • Category

    Documents

  • view

    127
  • download

    1

Embed Size (px)

Transcript of ^ Livro Questões Comentadas CESPE 2011 MARCOS PACCO

  • 1Marcos Pacco

    Questes Comentadas

    Cespe/UnB

    Gramtica

  • 1Marcos Pacco

    Questes Comentadas

    Cespe/UnB

    Gramtica

  • TODOS OS DIREITOS RESERVADOS De acordo com a Lei n. 9.610, de 19.02.1998, nenhuma parte deste livro pode ser fotocopiada, gravada, reproduzida ou armazenada em um sistema de recuperao de informaes ou transmitida sob qualquer forma ou por qualquer meio eletrnico ou mecnico sem o prvio consentimento do detentor dos direitos autorais e do editor.

    Editora Sintagma SIG, Quadra 01, Lote 495, Braslia-DFEd.: Baro do Rio Branco Sala 110 CEP.: 71.610.410 Tel.: 3033-8475

    EditorMarcos Pacco

    Conselho EditorialMarcos Pacco

    Renata RibeiroTiago Frana

    DiagramaoAntnio Francisco Pereira

    CapaGuilherme Alcntara

    RevisoLucas Ribeiro

    Pacco, Marcos.Questes Comentadas: GramticaMarcos Pacco 2011Editora Sintagma Braslia, DF: Sintagma Editora, 2011

    164 p.

    1. Brasil: Questes Comentadas: Gramtica.

    CDD 469

    pa lavrascer

    tnoslugar ece t se pg r usp gca aa

    oas gun

    a ta so nl l c nolastu

    EditoraSintagma

    10/2011 Editora Sintagma

    Esta obra parte integrante da Novssima Gramtica Aplicada ao Texto, mas pode ser vendida separadamente.

  • A o meu Mestre, Jesus Cristo, minha fonte de vida.Aos meus familiares, minha fonte de apoio.

    Aos meus alunos, minha fonte de inspirao.

  • APRESENTAO

    Este livro o primeiro volume da srie QUESTES COMENTADAS DE PORTUGUS. Acreditamos que, assim como um atleta profissional precisa dedicar-se proficuamente aos treinos fsicos para obter xito nas competies, os concursandos e vestibulandos precisam dedicar-se ao treino intelectual para alcanarem a to sonhada vaga no servio pblico ou na universidade, respectivamente.

    Esta obra rene vrias provas do Cespe/UnB e as classifica por tema, em conformidade com o contedo programtico dos editais. Alm de separadas por assunto, as questes possuem respostas comentadas pelo autor. Alguns comentrios chegam a ser verdadeiros resumos de aulas de Gramtica.

    Resolver questes de provas anteriores , comprovadamente, um dos mtodos mais eficazes de preparao para concursos e vestibulares. A Editora Sintagma tem a imensa satisfao de contribuir, por meio desta obra, para o sucesso dos candidatos que se preparam para tal finalidade.

    Cremos termos feito um bom trabalho. Entretanto, quaisquer crticas e sugestes que visem ao seu aperfeioamento sero bem vindas.

    Bom treino!

    O Editor

  • Captulo 1Classes Gramaticais Variveis ............................................................... 13

    Artigos, substantivos, adjetivos e numerais .................................... 13Pronomes ........................................................................................ 15Verbos ............................................................................................. 22

    Captulo 2Classes Gramaticais Invariveis ............................................................ 27

    Preposies ..................................................................................... 27Conjunes ..................................................................................... 30Advrbios e palavras denotativas ................................................... 32

    Captulo 3Regncia Verbal e Nominal ................................................................... 35

    Captulo 4Crase ...................................................................................................... 43

    Captulo 5Sintaxe do Perodo Simples ................................................................... 49

    Captulo 6Sintaxe do Perodo Composto ............................................................... 55

    Captulo 7Pontuao .............................................................................................. 63

    Captulo 8Partcula Se ............................................................................................ 77

    SUMRIO

  • Captulo 9Concordncia Verbal e Nominal ............................................................ 81

    Captulo 10Colocao Pronominal .......................................................................... 89

    Captulo 11Domnio das Relaes Morfossintticas, Semnticas e Discursivas ..... 93

    Captulo 12Acentuao e Ortografia ........................................................................ 97

    Captulo 13Gabarito Comentado ........................................................................... 101

    Classes Gramaticais Variveis ...................................................... 101Classes Gramaticais Invariveis ................................................... 111Regncia Verbal e Nominal .......................................................... 116Crase ............................................................................................. 122Sintaxe do Perodo Simples .......................................................... 126Sintaxe do Perodo Composto ...................................................... 129Pontuao ...................................................................................... 136Partcula Se ................................................................................... 145Concordncia Verbal e Nominal ................................................... 148Colocao Pronominal .................................................................. 155Domnio das Relaes Morfossintticas, Semnticas e Discursivas ...........................................................................157Acentuao e Ortografia ............................................................... 161

  • Questes Comentadas:GramtiCa

    CESPE/UnB

  • 13

    Artigos, substantivos, adjetivos e numerais

    Machado pode ser considerado, no contexto histrico em que surgiu, um espanto e um milagre, mas o que me encanta de forma mais particular o fato de que ele estava, o tempo todo, pregando peas nos leitores e nele mesmo.

    1. No texto, o termo o que precede que (.2), fato (.3) e tempo (.3) classifica-se como artigo nas trs ocorrncias.

    As vivncias do tempo e do espao constituem dimenses funda-mentais de todas as experincias humanas. O ser, de modo geral, s possvel nas dimenses reais e objetivas do espao e do tempo.

    2. Na linha 2, o termo s possvel indica que ser est empregado como verbo, no como substantivo, sinnimo de pessoa.

    XV Trabalhar com metodologia interativa: grupos, seminrios, jogos, estudo do meio, experimentao, problematizao, temas gera-dores, projetos e monitoria.

    3. Em XV, as aluses a metodologias interativas esto representadas apenas pelos substantivos abstratos experimentao e problematizao.

    1 Uma deciso singular de um juiz da Vara de Execues Criminais de Tup, pequena cidade a 534 km da cidade de So Paulo, impondo

    Classes GramaticaisVariveis

    Cap

    tulo 1

  • Marcos Pacco

    14

    critrios bastante rgidos para que os estabelecimentos penais da regio possam receber novos presos, confirma a dramtica dimenso

    5 da crise do sistema prisional.

    4. As palavras singular (.1) e dramtica (.4) qualificam, respectiva-mente, os substantivos deciso (.1) e dimenso (.4).

    Tivera uma peleteria numa cidade onde fazia um calor dos infernos quase o ano inteiro. Claro que foi falncia, mas suas freguesas nunca foram to bonitas, embora to poucas.

    5. No trecho fazia um calor dos infernos quase o ano inteiro (.1-2), a substituio de dos infernos por infernal manteria a correo gramati-cal e o sentido do texto.

    O problema poltico essencial para o intelectual no criticar os contedos ideolgicos que estariam ligados cincia nem fazer com que sua prtica cientfica seja acompanhada por uma ideologia justa; mas saber se possvel constituir uma nova poltica da verdade.

    6. A correo gramatical e o sentido do texto seriam mantidos com a substi-tuio do termo da verdade (.4) pelo adjetivo verdadeira.

    Foi assim que o mais importante crtico literrio do mundo, o norte--americano Harold Bloom, 77, classificou Machado de Assis quando elencou, em Gnio Os 100 Autores Mais Criativos da Histria da Literatura (Ed.Objetiva, 2002), os melhores escritores do mundo segundo seus critrios e gosto particular.

    7. No texto, destaca-se o emprego do superlativo.

    Sendo positivo, o livro aprovado junto ao conselho, que decide por sua publicao.

    8. Em Sendo positivo, o livro aprovado junto ao conselho (.1), embora seguido de vrgula, o adjetivo positivo qualifica livro.

    Entre prises e renncias ao cargo, a Universidade perdeu os melhores professores escolhidos pelo reitor Darcy Ribeiro. At aquela data, o que existia de melhor em matria de ensino estava na Universidade de Braslia.

  • Questes Comentadas de Gramtica CESPE/Unb

    15

    9. Recurso retrico para indicar o grau mais intenso da qualidade de algo, o superlativo foi empregado para qualificar os professores que atuavam na UnB em 1964 na expresso os melhores professores (.1-2).

    Segundo o Dicionrio Aurlio da Lngua Portuguesa, cidadania a qualidade ou estado do cidado.

    10. A palavra segundo est sendo empregada como numeral em: Segundo o Dicionrio Aurlio da Lngua Portuguesa (.1).

    Pronomes

    Mais tarde; deixa-me experimentar primeiro.

    11. No trecho deixa-me experimentar primeiro (.1), o pronome exerce a funo de complemento das formas verbais deixa e experimentar.

    Imaginem a expectao pblica e a curiosidade dos outros fil-sofos, embora incrdulos de que a verdade recente viesse aposentar as que eles mesmos possuam. Entretanto, esperavam todos. Os dois hspedes eram apontados na rua at pelas crianas.

    12. No trecho que a verdade recente viesse aposentar as que eles mesmos possuam (.2-3), o termo as exer